domingo, 30 de setembro de 2007

Nova Zelândia: terremoto gera tsunami sem riscos

Fonte:Terra

Um terremoto de 7,3 graus na escala Richter atingiu neste domingo o sul da Nova Zelândia, gerando um tsunami que não ameaça o país, embora tenha feito soar o alerta para ondas gigantes no litoral leste da Austrália. O Instituto de Ciências Geológica e Nuclear da Nova Zelândia informou que o maremoto ocorreu às 16h23 (2h23 de Brasília) e que seu epicentro foi localizado a 12 km de profundidade.

O diretor do Ministério de Defesa Civil e Gestão de Emergências da Nova Zelândia, John Hamilton, disse que o país não corre riscos e que houve pessoas no exterior que fizeram alguma confusão "entre as Ilhas Auckland e a cidade de Auckland".
"O terremoto ocorreu 475 km ao sul da Nova Zelândia e não causou danos" ao país, disse Hamilton.


sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Células Convecção - L.W. Braile

Esquema mostrado a convecção do manto superior e/ou a convecção do manto terrestre em qual células de convecção fluindo através do manto.

quarta-feira, 26 de setembro de 2007

Magnitude 5.9 - próxima a costa do Equador

Fonte : USGS/IRIS

Magnitude 5.9
Horário 26/09/2007 as 04:43:16 UTC
Localização 3.882°S, 79.171°W
Profundidade 91.2 km (56.7 miles)
Distancia 15 km NNE de Loja, Equador
410 km S de QUITO, Ecuador

Dados da estação OTAV (Otavalo, Equador)

ultimo registro 26/09/07 11:47 GMT

terça-feira, 25 de setembro de 2007

Sismológo Virtual


Existe um site muito bom para aplicação dos conceitos básicos em sismologia. Universidade da California. E no final da atividade você recebe um certificado semelhante a figura abaixo.
Clique na imagem e divirta-se! (in english)


segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Magnitude 5.1 - CENTRAL PERU

Magnitude 5.1
Horário 24 de setembro de 2007 as 02:25:46 UTC
Localização 12.587°S, 71.199°W
Distancias 130 km NE de Cuzco, Peru
220 km W de Puerto Maldonado, Peru
Dados da estação LVC (Limon Verde, Chile)
último registro 24/09/07 06:17 GMT

Fonte:USGS

sábado, 22 de setembro de 2007

Mais de três milhões de pessoas participam de simulação de terremoto no México

CIDADE DO MÉXICO (AFP) — Mais de três milhões de pessoas participaram nesta quarta-feira de um simulação de terremoto organizado na Cidade do México, abalada há 22 anos por um violento terremoto que deixou entre 6.000 e 30.000 mortos, segundo diversas contagens.
"Mais de 3.170.000 pessoas e 8.022 edifícios foram incluídos no exercício", declarou Elias Miguel Moreno, chefe da proteção civil na Cidade do México.
Foram registrados, no simulacro de um terremoto de "34 segundos e 6,9 graus, com epicentro na costa de Guerrero (Pacífico)", alguns incidentes sem gravidade, como quedas e escoriações provocadas pela rápida evacuação dos prédios, disse Moreno.
O prefeito da Cidade do México, Marcelo Ebrard, frisou que a partir de outubro esses exercícios não serão objeto de aviso prévio, ao contrário do simulacro efetuado desta quarta-feira.
Os simulacros serão realizados "sem data marcada, em escolas, hospitais e outros estabelecimentos públicos, assim como no metrô", prossegiu Ebrard.
Na manhã de 19 de setembro de 1985, um terremoto de 8,1 graus na escala Richter sacudiu Cidade do México, deixando entre 6.000 e 30.000 mortos.

FONTE:AFP

sexta-feira, 21 de setembro de 2007

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Registro de Taboleiro Grande - RN

Estação AGRB - UFRN_projeto milênio - Laboratório Sismológico
Coordenador: Prof. Joaquim Ferreira Mendes

O registro do sismo na estação de Agrestina-PE, divulgada pela UFRN, com magnitude 3.1.
Considero esse registro como um grande avanço realizado pela equipe do Laboratório Sismológico da UFRN. Mostrando a eficiência na prática das instalações das estações do projeto milênio.

segunda-feira, 17 de setembro de 2007

Indonesia quake toll rises to 23 dead, 88 injured

Esse site é muito bom! Earthquakes News - Clique e veja o video!


JAKARTA (Reuters) - The toll from a severe earthquake on Indonesia's Sumatra island last week has risen to 23 dead and 88 injured, an official said on Sunday, and the area is likely to experience further significant aftershocks.

The 8.4 magnitude quake struck off the coast of western Sumatra on Wednesday evening, and has been followed by at least 40 big aftershocks and several tsunami warnings, subsequently withdrawn.

Aftershocks with a magnitude ranging from 3 to 5 are likely to be felt along Sumatra's west coast for the next two weeks, the Jakarta Post reported on Sunday, citing the head of the earthquake and tsunami division of the Meteorological and Geophysical Agency.




A villager is seen outside her damaged house, which was swept by a 10-foot wave on Wednesday after the earthquake, at Serangai village in Indonesia in this September 14, 2007 file photo. (REUTERS/Beawiharta)
Rustam Pakaya, a senior health ministry official, told Reuters that as of Sunday morning, a total of 23 people had died in Bengkulu and West Sumatra provinces, the two regions closest to the quake's epicentre, while 88 people had been injured.

More than 22,000 houses in the area either collapsed or were damaged, Giri Trigondo, an official at the national disaster agency, said on Sunday.

"Quake victims in some areas need food, cooking implements, tents, medicine," he said.

Many people are still sleeping out in the open, either because their homes have been destroyed or because they are too scared to return home in case of further quakes.



Sismo 2007

Estou tentando atualiza os dados de eventos em 2007

_____________Os eventos Brasileiros em 2007___Que eu tenho notícia

12 de março em Betim-MG com magnitude de 2.2 Fonte: UnB
22 de marcço em Caruaru-PE com magnitude de 3.9 Fonte: UFRN
28 de marclo a 1200 km de Natal, precisamente no Oceano, com mganitude de 4.7 Fonte: UFRN
14 de abril em Morrinho-CE com magnitude de 2.9 Fonte: UnB
24 de maio em Januaria-MG com magnitude de 3.5 Fonte: UnB
20 de junho em Tucurui-PA com magnitude de ?? Fonte: UnB (Sismo Induzido)
20 de julho em Joinville-SC com magnitude de ?? Intesindade III MM Fonte: UnB - Sem registro.
11 de julho em Nova Jaguaribara-CE com magnitude de 2.3 Fonte: UFRN (Sismo Induzido na Barragem do Castanhão)
27 de Junho em Bariri-SP com magnitude de 2.5 Fonte: Unesp
13 de setembro em Taboleiro Grande-RN com magnitude de 3.1 Fonte:UFRN
____________________________________________________________

National Geographic

uma linha de trem em Lázaro Cárdenas, na costa mexicana do Pacífico, após a ocorrência de um terremoto.

Esse terremoto ocorreu em 19 de setembro de 1985, e seu epicentro estava localizado a aproximadamente 350 km a oeste da costa do Pacífico, no sul do México.

sábado, 15 de setembro de 2007

Taboleiro Grande treme 3 graus da escala Richter -Diario de Natal

João Moacy/Cedida
Os moradores de Taboleiro Grande passaram por mais um grande susto
A cidade de Taboleiro Grande, distante 404 quilômetros de Natal, acordou na manhã de ontem com um forte tremor de terra. O abalo, que ocorreu às 7h41, foi registrado pela estação de Agrestina (PE) e segundo os sismólogos da UFRN deve ser superior a 3 graus na escala Richter. O abalo não foi o primeiro registrado pelos pesquisadores na região, em 1993 um tremor de 2,2 graus fez com que a Universidade instalasse vários sismógrafos em cidades circunvizinhas. Os abalos são medidos pela Escala Richter que varia de 0 a 9 graus. Geralmente tremores menores que três graus são imperceptíveis.

Como o abalo não foi sentido em Natal, os pesquisadores só tiveram acesso, até o início da tarde de ontem, ao registro feito na estação de Agrestina, distante cerca de 500 quilômetros do epicentro do tremor, pois ela participa da rede geológica pela internet. Os pesquisadores só poderão dizer com exatidão a magnitude e a causa do tremor depois que o técnico, que saiu em viagem na manhã de ontem para recolher os registros das estações mais próximas, retornar a Natal. Pelo menos cinco registros deverão ser analisados para que possa se ter dados mais exatos, os de Riachuelo, Parelhas, Ocara, Solânia e Castanhão.

De acordo com o coordenador do laboratório de sismologia da UFRN, Joaquim Ferreira, o movimento ocorreu devido a forças do interior da placa e as rochas é que são responsáveis pelo movimento. ‘‘Como o Rio Grande do Norte está sobre uma placa tectônica, acomodações não são muito perceptíveis aqui, a causa mais provável é que as próprias rochas se acomodem’’, analisou.

Segundo Joaquim, os estados do Ceará e Rio Grande do Norte estão sobre a Bacia Potiguar e são os estados brasileiros de maior risco de tremores. Ainda não se pode determinar o epicentro do tremor, mas de acordo com o que falam os moradores as cidades de Portalegre, Umarizal, Riacho da Cruz e Pau dos Ferros também sentiram o tremor de terra.

Conforme informações que chegam de vários moradores casas e prédios públicos sofreram rachaduras, forros caíram e pessoas passaram mal por causa do abalo. As pessoas permanecem nas ruas com medo de que voltem a sentir a sensação de tremor.

Memória

Há pouco mais de um ano outro terremoto pôde ser sentido em parte do litoral norte potiguar. o Epicentro foi dentro do mar, distante 45 quilômetros de Touros, e foi sentido por pessoas na capital. Segundo os registros da UFRN, o abalo foi de 4 graus da Escala Richter, o segundo maior registrado no estado, ficando atrás apenas do de 1986 ocorrido em João Câmara e que chegou a 5,3. O registro foi feito pela Estação da Riachuelo no dia 5 de setembro de 2006 e durou cerca de quatro minutos.

De acordo com o sismólogo da UFRN, Aderson Faria do Nascimento, o abalo ocorreu devido a acomodação da placa tectônica da América do Sul, que está sempre em movimento, mas na maior parte das vezes não é sentida pela população. Nenhum estrago foi registrado em estruturas de concreto, algumas famílias apenas entraram em contato com os Bombeiros e a UFRN.

O abalo de 5,3 graus na Escala Richter ocorrido em 1986, em João Câmara, foi o maior, até a época, registrado no Nordeste e o 3º maior do país. O fenômeno ocorreu às 3h23 da madrugada com repercussões em cidades vizinhas e em Natal. Em agosto do mesmo ano já haviam ocorrido outros tremores de menor intensidade que afastaram vários moradores da cidade temendo estarem vivenciando profecias feitas pelo Padre Cícero.

A terra ainda voltou a tremer por três vezes dois dias depois, aterrorizando ainda mais os moradores. Dessa vez foram marcados 4,1 graus na escala Richter. A maioria das casas apresentaram rachaduras e muitos telhados desabaram, impossibilitando a permanência de seus proprietários.

Os especialistas afirmam que os riscos de novos tremores hoje são os mesmos. Grande parte do estado do Rio Grande do Norte tem o embasamento (o cristalino) com mais de um bilhão de anos, e em cima há a bacia potiguar, de idade mais recente, com 100 milhões de anos; portanto trata-se de uma região de contraste marcante.


ANA PAULA COSTA
DA EQUIPE DO DIÁRIO DE NATAL

sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Tremor de 3 graus assusta moradores da região Alto Oeste-RN

Jotta PaivaABALO - Residências tiveram paredes rachadas com o abalo sísmico
14/09/2007 - Tribuna do Norte



Eram precisamente, 7h41 desta quinta-feira quando Taboleiro Grande tremeu. A população do pequeno município do Alto Oeste, a 372 quilômetros de Natal se apavorou com o grande susto, que chegou a avariar as estruturas de casas e prédios públicos. Ainda não há dados precisos sobre o epicentro e a magnitude do sisma, mas especialistas falam em pouco mais de 3 graus na escala Richter.

Por todo o dia, os moradores do município comentavam sobre o ocorrido e descreviam sua reação no momento do tremor. “Na hora eu não sabia se ia ou se ficava”, disse o aposentado Severino Alves. A professora Isabel Bessa estava com seus alunos na hora do estrondo e quando chegou em casa, percebeu o forro do teto destruído. “Mas o prejuízo é muito mais psicológico do que financeiro”, disse.

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte recebeu notícia ainda de mais dois abalos menores, mas os relatos não são precisos em relação aos horários. Os tremores de terra têm origem tectônica, isto é, em movimentos nas placas que formam a crosta da Terra. Por um motivo ainda a ser descoberto, as rochas sob Taboleiro Grande se movimentaram, causando o tremor.

Segundo o coordenador do Laboratório Sismológico da UFRN, Joaquim Ferreira, o abalo ocorrido não chega a surpreendê-lo, já que o fenômeno é típico de todo o Rio Grande do Norte, assim como de parte do Ceará. “Essa região é considerada a mais sísmica de todo o país. E sismas como esse são considerados normais”, contou o pesquisador.

O professor Joaquim lembrou que a mesma cidade já havia testemunhado um outro tremor em 1993. Já João Câmara ficou conhecida em todo o país pelos tremores registrados entre os 1986 e 1994, sendo dois deles de 5 e 5,1 graus na escala Richter. Há ainda registros históricos de um tremor em 1808, na região onde hoje está Assu e outro no ano de 1879, em Natal.

Ontem um técnico do laboratório sismológico foi enviado à região de Taboleiro Grande para coletar os dados obtidos pelas estações sismográficas da região. Uma outra será instalada na mesma cidade, para futuras medições. “Ainda não estamos de posse dos dados porque estamos com um problema na transmissão via rádio”, explicou o professor.

Há relatos de populares que sentiram o tremor em cidades vizinhas, como Umarizal e Portalegre. Joaquim Ferreira explicou que a percepção de um abalo depende da profundidade dele e da proximidade da população do epicentro. Ele avalia que o abalo de ontem tenha passado dos três graus na Richter. A título de comparação, o abalo que gerou a Tsunami na Indonésia em 2004 teve magnitude de 9,2 na escala.

“O deslocamento que acontece nas rochas é milimétrico. A vibração é que é percebida pela população”, disse o cientista. Segundo ele, ainda não se sabe da existência de uma falha geológica sob Taboleiro Grande, como acontece em João Câmara, e que seria um estudo de detalhamento daquela região.

Joaquim Ferreira disse ainda que é difícil prever onde poderá acontecer um novo tremor e com que magnitude. Uma região onde já houve registros, sempre será área de observação. Mas há de se levar em conta que em uma região onde nunca aconteceu um tremor, pode ser afetada por algum a qualquer momento. Isso porque em escala geológica, 500 anos, por exemplo, são considerados alguns segundos. Apesar de ser um estado de intensa atividade sísmica, ao longo de toda a história não há registro de morte causada diretamente por estragos resultantes de tremores, somente de alguns feridos. Mas no ano de 1968, no tremor ocorrido em Doutor Severiano, uma mulher morreu após pular de uma janela, assustada com o fenômeno.

Tremores são provenientes de fissuras

Os abalos de terra são comuns em todas as partes do mundo. No Brasil a atividade sísmica só é relativamente calma porque 95% do território brasileiro fica sobre uma mesma placa - a Sul-Americana. Tremores como o de ontem, sentido em Tabuleiro Grande, ou até mesmo os de maiores intensidade, como os registrados em João Câmara, só ocorrem por causa de fissuras ao longo da placa tectônica. Submetidas a pressões, essas falhas se rompem e acontecem o que os técnicos chamam de “acomodação da camadas.”

De acordo com estudos do geofísico Marcelo Assumpção, quanto mais espessa a placa, menor a possibilidade de terremotos. Como no Nordeste elas são mais finas, os tremores tornam-se comuns, especialmente no Rio Grande do Norte e no Ceará.

Nesta região, os tremores costumam ser breve e repetitivos, fenômeno conhecido como “enxame sísmico.” De acordo com dados da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, entre 1986 (quando foram instalados sismógrafos) e 1991, foram registrados 50 mil abalos em João Câmara.

O maior deles aconteceu na madrugada do dia 30 de novembro de 1986. Durou menos de um minuto, mas atingiu 5.1 graus na escala Richter. Em Natal, apesar do avançado da hora, milhares de pessoas saíram às ruas com medo de desmoronamentos. Em João Câmara, onde foi localizado o epicentro, a população também saiu às ruas. Muitas famílias passaram até três meses dormindo em barracas de lonas armadas pelo Exército. João Câmara registraria outros abalos sísmicos de magnitude mediana, mas sem causar os transtornos de 1986.

13/09/2007 - 20h14

Tremor de terra assusta moradores de cidade do RN

da folha online

Um tremor de terra atingiu a cidade de Taboleiro Grande (RN), que tem aproximadamente 2.200 habitantes, no começo da manhã desta quinta-feira. Diversos imóveis da cidade sofreram rachaduras. Os prejuízos, porém, ainda não foram contabilizados. Ninguém ficou ferido.

O servidor municipal Zailton Pinheiro, 23, diz acreditar que o tremor só não provocou danos porque durou 'de cinco a dez segundos'.

'Houve rachaduras em alguns prédios e, em alguns lugares, os forros de gesso caíram. Mas o tremor foi muito forte mesmo. Era um som abafado, como o d uma bomba, e a sensação da terra tremendo.'

Pinheiro diz ter tido uma sensação de tontura no momento do tremor -ele estava em uma praça. 'Quem estava dentro de algum lugar saiu. Teve quem pensasse que algum prédio próximo havia desabado.'

Técnicos da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) analisam o tremor. Eles deverão ir à região do epicentro para investigar o que provocou o fenômeno.



quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Tabuleiro Grande -RN - Tremeu

Hoje, por volta das 07:50 (hora local) em Tabuleiro Grande-RN, vidros balançaram e assustou a população.

No dia 22/06 já tinha acontecido algo semelhante e recentemente no dia 12/07 também.

Primeiras contagens apontam para dez mortos


Fonte:expresso (http://expresso.clix.pt/


As autoridades começam a tomar o pulso à tragédia que hoje assolou a Indonésia. Nas regiões afectadas pelo tremor de terra os mortos ultrapassaram a dezena e os hospitais já começaram a receber várias centenas de feridos.
As actualizações mais recentes apontam para que o abalo tenha registado uma magnitude de 8.4 na escala de Richter, o que fez deste sismo o mais forte ocorrido no arquipélago deste Março de 2005, quando um tremor de terra de 8.6 assolou o país.
Hospitais não são suficientes
Na ilha de Sumatra as cidades e Bengkulu e Padang, localizadas a escassos 140 km do epicentro foram as mais afectadas e segundo vários testemunhos os hospitais começam a não conseguir tratar todos os feridos, muitos deles vítimas de desabamentos e derrocadas. Na região norte da ilha são muitos os registos de prédios que ficaram reduzidos a destroços.
"O sistema de emergência foi activado e o Presidente ordenou que os militares sejam enviados para a zona para ajudar nos trabalhos de resgate", garantiu fonte ligada ao chefe de Estado indonésio.
O sismo que foi sentido às 18:10 (12:10 em Lisboa), teve uma réplica de magnitude 6.6 às 21:40 (15:40 em Lisboa), o que levou a agência meteorológica indonésia a repor o alerta de tsunami, algo que não se veio a registar, sendo o alarme retirado apenas uma hora depois.
Apesar de todos os receios as ondas nas zonas afectadas não ascenderam a mais de um metro e até agora todos os estragos foram registados pelo efeito do abalo em terra.

quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Magnitude 7.9 - Região KEPULAUAN MENTAWAI, INDONESIA



FONTE:USGS
Magnitude 7.9
Horário 12 de Setembro de 2007 as 23:48:59 UTC
Localização 2.669°S, 100.800°E
Profundidade 10 km
Distancia 195 km SSE de Padang, Sumatra, Indonesia

Esse terremoto é um caso a parte, raridade ocorrer dois tremores com magnitudes semelhantes.

11 ´pós-abalos acima de 5!

7.5 2007/09/12 23:49:01 -2.525 100.965 10.0 KEPULAUAN MENTAWAI REGION,

5.1 2007/09/12 23:19:44 -4.082 100.907 10.0 SOUTHWEST OF SUMATRA,

5.4 2007/09/12 22:17:18 -2.897 100.757 10.0 KEPULAUAN MENTAWAI REGION,

5.1 2007/09/12 22:02:24 -4.609 101.280 10.0 SOUTHERN SUMATRA,

5.3 2007/09/12 17:04:33 -7.598 126.085 307.3 KEPULAUAN BARAT DAYA,

5.9 2007/09/12 16:37:01 -3.109 101.395 11.0 SOUTHERN SUMATRA,

5.2 2007/09/12 15:35:05 -4.264 100.984 10.0 SOUTHWEST OF SUMATRA,

6.0 2007/09/12 14:40:01 -3.227 101.358 10.0 SOUTHERN SUMATRA,

5.3 2007/09/12 13:17:15 -3.334 100.620 10.0 KEPULAUAN MENTAWAI REGION,

5.7 2007/09/12 13:02:03 -2.960 101.335 10.0 SOUTHERN SUMATRA,

5.2 2007/09/12 12:21:44 -2.667 100.318 10.0 KEPULAUAN MENTAWAI REGION,

8.4 2007/09/12 11:10:26 -4.517 101.382 30.0 SOUTHERN SUMATRA, INDONESIA

Magnitude 8.4 - Sudeste de Sumatra, Indonesia


Magnitude 8.4
Horário 12 de Setembro de 2007 as 11:10:26 UTC
Localização 4.517S, 101.382E
Profundidade 30 km
Distancia 130 km SW de Bengkulu, Sumatra, Indonesia
410 km SW de Jambi, Sumatra, Indonesia

Dados da estação TSUM (Tsumeb, Namibia)
último registro as 16:49 GMT 09/12/07 16:49

PERU - Fotos parte III - Última sessão










segunda-feira, 10 de setembro de 2007

Magnitude 6.8 - Próximo a costa oeste da Colômbia

Esse tem uma grande probabilidade de reflexo em Manuas. Vamos esperar os notíciarios!
9:49:17 ?



Magnitude 6.8
Hórario Segunda 10 de Setembro de 2007 as 01:49:11 UTC
Localização 2.945°N, 78.069°W
Distancias 150 km NNE de Tumaco, Colômbia
155 km SW de Buenaventura, Colômbia
170 km WNW de Popayan, Colômbia

domingo, 9 de setembro de 2007

Magnitude 5.4 - LA PAZ, BOLIVIA

Atenção!!! Nessa região, existe uma pequena probalidade da cidades brasileiras sentirem esse terremoto, principalmente nos andares mais altos dos prédios. Por ser raso, acredito que não terá efeito no Brasil.


Horário Segunda, 10 de Setembro de 2007 as 00:13:08 UTC
Localização 17.186°S, 69.277°W
Profundidade 36.1 km
Distancia 135 km NE de Tacna, Peru
140 km WSW de LA PAZ, Bolivia
175 km E de Moquegua, Peru

Data da estação LCO (Las Campanas Astronomical Observatory, Chile)
último dado 10/09/07 00:48 GMT

FONTE:USGS

Seismic Monitor - IRIS

Analytics com meu código