segunda-feira, 31 de maio de 2010

Sapos e terremotos

Fonte: The Post Chronicle
Frogs in Greece earthquake (VIDEO) may have been a warning to residents, who suffered a devastating earthquake just hours after millions of the amphibians closed down a major highway as they ran from their lake.

A carpet of frogs closed a key highway in northern Greece on Wednesday, May 26, as they formed a mass exodus departing a nearby lake in Thessaloniki, reports Yahoo News.

Authorities reportedly closed the highway after three car drivers skidded off the road, although no injuries were reported.

However, just 72 hours later, a 6.5 magnitude earthquake struck Greece on Sunday, killing at least two people.

It was the first fatal quake in Greece since 1999, when 143 people died and thousands more were left homeless.

Aftershocks have rocked the area, leaving residents frightened and continuing the destruction of homes near the epicenter.

Mass exodus of frogs before an earthquake has been seen in China, and in America, people have reported their pets missing or acting unusual in the days leading up to a major earthquake.

Here is a video report about the mass frog exodus and earthquake.



quinta-feira, 27 de maio de 2010

7.2 - 04 de abril de 2010 - México

video
Contribuição de Cristiano por e-mail

Mistérios geológicos de Marte ganham nova explicação


Um mistério de quase 40 anos em Marte pode agora estar sendo resolvido. Cientistas conseguiram reconstruir a formação de duas características inusitadas no polo norte do planeta: uma série de espirais e um abismo maior do que o Grand Canyon.

Gelo empoeirado

Em dois artigos publicados na edição desta quinta-feira da revista Nature, John Holt e seus colegas da Universidade do Texas descrevem como usaram dados obtidos pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter, da Nasa, a agência espacial norte-americana, para desvendar a composição da camada de gelo no norte marciano.

Na Terra, os mantos são formados principalmente pelo fluxo de gelo, mas em Marte, segundo a nova pesquisa, outras forças têm moldado as calotas. A calota ao norte é uma pilha de gelo e camadas de poeira com até 3 quilômetros de profundidade, que cobre uma área maior do que a do Estado de Minas Gerais.

Ao analisar em computador os dados de radar colhidos pela sonda, os pesquisadores puderam, como se estivessem retirando as camadas de uma cebola, verificar como a cobertura de gelo evoluiu com o tempo. 

Grand Canyon de Marte 

Uma das partes mais notáveis no polo norte marciano é a Chasma Boreale, uma depressão tão extensa como o Grand Canyon norte-americano, mas mais profundo.

Desde que foi descoberta, em 1972, cientistas estimavam que a depressão teria sido formada a partir do derretimento do fundo do manto de gelo pelo calor vulcânico. Mas o novo estudo indica que tanto a Chasma Boreale como as espirais foram criadas principalmente pela ação de fortes ventos, durante milhões de anos. 

Camadas complexas 

A nova pesquisa aponta também que a calota de gelo no norte marciano não é composta por muitas camadas relativamente planas, mas que conta com características mais complexas, entre as quais camadas com espessura e orientação diferentes ou camadas que simplesmente desaparecem em alguns pontos.

"Não se sabia da existência de uma estrutura de camadas tão complexa, que registram a história de acúmulo de gelo, erosão e ação do vento. A partir de agora, poderemos recuperar uma história detalhada do clima em Marte", disse Holt. 

Redescoberta 

Em 1982, Alan Howard, da Universidade da Virgínia, propôs em um artigo que as misteriosas espirais teriam sido formadas pela ação do vento, mas o trabalho foi ignorado pela comunidade científica, que bancava a hipótese da origem vulcânica. O novo estudo mostra que Howard estava certo.

Segundo Holt e colegas, a formação em espiral deriva dos ventos existentes na região, formados por ar denso e relativamente frio que circula a partir dos polos e por sobre as calotas.

A ação do vento é afetada pela força de Coriolis, perpendicular ao sentido do movimento do planeta. Na Terra, isso leva à formação de furacões, que giram em direções opostas nos hemisférios. Em Marte, essa força influencia nos ventos e nas depressões criadas, que assumem a forma de espirais.

Tremeu em Matuípe

Hoje por volta das três da manhã a terra tremeu em Matuípe-BA. Pela duração parece ser um evento de magnitude 2 a 2.5.

segunda-feira, 24 de maio de 2010

6.5 Mw - ACRE, BRAZIL




Magnitude 6.5 Mw
horário
  • 24 de Maio de 2010 16:18:29 UTC
Localização 8.072°S, 71.569°W
Profundidade
580.5 km
Distancias
  • 125 km ESE de Cruzeiro do Sul, Brasil
  • 328 km E de Pucallpa, Peru
  • 464 km WNW de Rio Branco, Brasil

terça-feira, 18 de maio de 2010

Preparativos Para Terremoto

Fonte: Blog Amanhacer da Verdade

Os agentes funerários do Japão solicitaram ao governo que financie a estocagem de 200.000 caixões, em preparação para um possível grande terremoto em Tóquio. A notícia publicada em The Daily Yomiuri observa que “alguns peritos predizem realmente que, se um terremoto tão grave como o Terremoto da Grande Kanto, de 1923, acontecesse em Tóquio, cerca de 500.000 pessoas morreriam”. Os agentes funerários indicam que, em 1923, cerca de 100.000 pessoas morreram, e muitos corpos tiveram de ser incinerados por falta de caixões. Cerca de 2.000 caixões “desmontáveis” já foram estocados para esse fim pelo grupo de agentes funerários.

GS comentários: Não se é verdade essa informação, mas se positivo, toda e qualquer região do planeta em borda de placa deve ter esse procedimento. A minha preocupação é com a quantidade de madeira a ser utilizada.

domingo, 9 de maio de 2010

Magnitude 7.2 - SUMATRA, INDONESIA

Fonte:USGS -

Magnitude 7.2
Horário
* 09 de Maio de 2010 as 05:59:42 UTC
Localização 3.775°N, 96.055°E
Profundidade 45 km (esse valor é fixo pelo programa)
Distances 195 km SW de Lhokseumawe, Sumatra, Indonesia
215 km SSE de Banda Aceh, Sumatra, Indonesia

sábado, 8 de maio de 2010

Earthquake Destruction

Casa popular contra terremotos e furacões é apresentada no 5° Fórum Urbano Mundial


Rio de Janeiro - Das madeiras serradas, painéis e compensados são construídas casas populares de baixo custo e resistentes a desastres, como furacões e terremotos. Além disso, o mobiliário urbano do entorno também é todo sustentável e pronto para enfrentar abalos sísmicos. Durante o Fórum Urbano Mundial, que acontece até sexta-feira, o Conselho Euro-Brasileiro de Desenvolvimento Sustentável (EUBRA) apresenta o projeto Home4Haiti, com tecnologia inspirada na muralha da China. O modelo de residência foi desenvolvido por arquitetos brasileiros e italianos e pretende contribuir para a reconstrução do Haiti.

No projeto há dois tipos de casas, ambas de 50 metros quadrados, incluindo dois dormitórios, sala, banheiro e cozinha. A primeira faz uso de tijolos queimados, cimento e estrutura em aço. O prazo para construção é de, no máximo, 20 dias e o custo da casa pronta é de R$ 8 mil. Já a segunda é feita de madeira reaproveitada do Pará e do Maranhão. O custo da casa fica entre R$ 9 mil e R$ 11 mil, sem a montagem.

“A gente bolou um sistema de ventilação forçada, uma tecnologia simples, para que a casa possa ser vedada em casos de furacão. Para proteger a residência de terremotos, a gente usou pneus velhos, suporte de aço e tijolos solo cimento para fazer o amortecimento dos pilotis”, explica o presidente da EUBRA, Robson Oliveira.

Sistema de amortecimento

Móveis utilitários também são feitos com sobras de madeiras. A tecnologia de iluminação LED abastecida por energia eólica e solar, usada nas luminárias de rua, é proveniente da China e será transferida para o Brasil e o Haiti. O projeto prevê que as comunidades brasileiras e haitianas envolvidas sejam beneficiadas pelo projeto através de formação técnica, geração de emprego e renda e, portanto, melhor qualidade de vida.

O Fórum Urbano Mundial foi estabelecido pelas Nações Unidas para analisar um dos problemas mais urgentes que o mundo enfrenta hoje: a rápida urbanização e seu impacto nas comunidades, cidades, economias, mudanças climáticas e políticas. O tema central deste ano é “O Direito à Vida: Unindo o Urbano Dividido”. As discussões são divididas em seis eixos: Levando Adiante o Direito à Cidade; Unindo o urbano Dividido; Acesso Igualitário à Moradia; Diversidade Cultural nas cidades; Governança e Participação; e urbanização sustentável e inclusiva.

fonte: http://www.zap.com.br/revista/imoveis/tag/casa/

Pangea

1
video

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Livro disponível

Projetando Idéias: Livro Earthquake Engineering: New Research

Livro Earthquake Engineering: New Research. Nova Science Publishers | 2008 | ISBN: 1604567368 | 373 pages | PDF | 11,5 MB. Este livro trata de sismologia dentro da engenharia, incluindo, tsunamis, características do movimento do solo,

Esse livro é para os Engenheiros

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Contínua a tremer no Chile - acredito sem Danos


Forma de onda das estações brasileiras SAML, RCBR e PTGA.
Fonte:Iris


Fonte:USGS
Magnitude6.3
Dia-horário
  • 03 de maio de 2010 às 23:09:45 UTC
Localização38.110°S, 73.648°W
Profundidade20.6 km
Regiãocosta de Bio-Bio, CHILE
Distances55 km S de Lebu, Bio-Bio, Chile
115 km NW de Temuco, Araucania, Chile

Seismic Monitor - IRIS

Analytics com meu código